Sexta-feira, 27 de Abril de 2007

Ainda o 25 de Abril

A Ana Margarida Lourenço, dirigente nacional da JS apresentou este Texto, na Assembleia Municipal de Almada, ontem, na Sessão ordinária, realizada no Clube Desportivo do Feijó.

Parabéns, Guida!

Declaração
25 de Abril – 33 anos de Liberdade
 
Ex.mo Sr. Presidente da Assembleia Municipal
Ex.ma Sra Presidente da Câmara Municipal
Ex.mos Srs. Vereadores
Caros Colegas da Assembleia Municipal
 
Torna-se cada vez mais dificil falar do 25 de Abril de 1974 e ter algo de novo para dizer. 
Não poderei, também, falar de recordações desse memorável dia para Portugal, para a nossa história e para os portugueses, porque não os vivi.
Nada disto invalida, no entanto, o facto de hoje, continuar a ser pertinente uma intervenção evocativa sobre liberdade e liberdades, democracia e  princípios fundamentais dos direitos humanos.
Sim porque esse património (herança de Abril) é de todos. Dos que fizeram o 25 de Abril em 74 e dos que hoje, como eu, continuam a fazê-lo.
 
Sei que evocar Abril enche muitos de nós da nostalgia das emoções vividas e sentidas, que nos faz recuar no tempo e lembrarmo-nos de renascer de novo.
O ar tornou-se de facto mais puro, mais respirável. O fim da perseguição política, da censura e do obscurantismo. O viver dos sonhos no dia-a-dia com o PREC, o acreditar que mudar o mundo e a nossa sociedade era possível.
 
33 anos volvidos, a evolução tornou-se notória.
 Provavelmente dos sonhos que todos tinham na altura, ainda estarão alguns por cumprir. Mas os ganhos são inequivocos e inegáveis.
Direitos liberdades e garantias conquistados com a aprovação de uma Constituição em 1976, que é, ainda, hoje, 3 décadas volvidas, das mais avançadas e progressistas do mundo.
 Um Estado Social que é já identidade genética de toda a nossa sociedade.
 Um país mais moderno, aberto ao mundo e à Europa e não fechado sobre si mesmo.
 Devemos e temos de estar orgulhosos de tudo o que nós portuguesas e portugueses alcançámos nestes 30 anos.
 
Devemos e temos de estar orgulhosos de hoje, aqui e agora nesta Assembleia, celebrarmos a vitória da democracia conquistada em Abril, aliás, de o fazermos sempre que esta mesma Assembleia se reúne. 
 
Não podemos é nunca esquecer a tarefa permanente de preservar estas conquistas. Algo que nem sempre o fazemos da melhor maneira e algo que por vezes nos esquecemos de fazer, levando ao renascimento de alguns saudosistas de um regime que apenas estrangulou o nosso desenvolvimento e que apartou aquilo que os portugueses têm de melhor - a sua capacidade de livre iniciativa, de criar e de inovar.
 
Também, aqui, em Almada precisamos de o fazer.
 Preservar Abril e a democracia é termos bem presente que o contacto e a proximidade com todos os cidadãos deve ser permanente. Escutar os seus apelos, ouvir as suas preocupações. Resolver os seus problemas.
 
Preservar Abril e a Democracia em Almada é darmos voz e escutarmos o que a nossa oposição tem para dizer.
É não termos laivos de autismo fruto de um poder, legitímo e democrático é certo, de apenas um partido à frente dos destinos da autarquia há demasiados anos.
É respeitarmos os que divergem de nós e fazer valer as nossas ideias e os nossos projectos, não só porque somos mais, mas, também, porque devem ser os melhores e os que atendem às necessidades de todos.
 
Preservarmos Abril e a Democracia é não facilitarmos o amiguismo e cedermos à tentação fácil do clientelismo.
 
Temos, pois, de todos os dias construir de novo Abril. Temos de ousar e inovar de maneira a não deixarmos a beleza dos cravos e da liberdade perderem-se nos manuais de história .
 
Aqui hoje e agora é dia de (re)nascimento é por isso que como em 25 de Abril de 1974 eu “Estou aqui construindo um novo dia. Porque o dia constroí-se, não se espera.” nas palavras de António Gedeão.

publicado por motssa às 16:09
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Anónimo a 29 de Abril de 2007 às 00:05
No dia seguinte à apresentação desta declaração, a Srª Presidente da Câmara, (em resposta a uma questão sobre expressões por ela usadas que aqui não direi) referiu que não gostou da referência no antepenúltimo parágrafo a "amiguismo ". Parece que na opinião da Srª Presidente que este não existirá por cá.
Nesta senda de mimos o estreante Fernando Jorge (Presidente da Junta da Charneca) foi mimado pelo jovem Braga do Bloco com a expressão de "hipócrita"
ficando por esclarecer se era à declaração que se referia se ao autor. O Sr. Presidente da Junta e Presidente do Sindicato dos Funcionários Judiciais reagiu com a sua habitual classe e educação.
De registar que o Sr. Presidente da Assembleia se nega a registar em acta as "bocas" que é prática velha e degradante da Assembleia Municipal de Almada dizendo que "enquanto ele estiver na Presidência" na acta não constarão as "bocas". Esta declaração deve ter deixado satisfeitos os deputados que têm estas práticas que tentam amedrontar e limitar os direitos conferidos pela lei às oposições.
Claro que o jornalista Fernando Fitas e Cátia Rodrigues do Notícias de Almada nada irão descrever, usando os seus critérios jornalísticos .
Quando há fóruns de participação está lá o funcionário camarário com a Câmara de Vídeo. Quando tivermos uma televisão local estas coisas serão escrutinadas pelos eleitores. Até lá os métodos antigos sofrerão uma lenta evolução, porque a prática tem demonstrado que assim poucos estão para se sujeitarem a ser oposição.
Quando forem à Assembleia Municipal de Almada levem os vossos telemóveis 3G e boas filmagens...Os deputados que por lá passaram talvez vos contem algumas histórias do nosso passado "democrático "dos últimos 33 anos. Apesar de tudo parece que as coisas estão melhores...
De Micas a 29 de Abril de 2007 às 17:42
parabéns à jovem do PS pela coragem de dizer as verdades na cara da Presidente e da CDU. Todos os almadenses sabem que é verdade. Só entra para a CMA quem tem o cartão vermelho.
Quem não é da CDU ou não tem amigos espera tempos infinitos por uma licença para fazer obras.
E ainda se ofendem por se falar em amiguismo "'

Esses sim são hipócritas...

Comentar post

Pesquisar no blog

 

Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

ADEUS!

DEBATE DE 06.10.2009

NOVO DEBATE

CAMPANHA AUTÁRQUICA

Programa Eleitoral

...

...

COMO FOI O DEBATE?

DEBATE ENTRE TODOS OS CAN...

DEBATE ENTRE TODOS OS CAN...

Arquivo

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Links

Contador

Visitantes